quarta-feira, 25 de março de 2009

Solidão e Homossexualidade


Infelizmente, fica difícil afastar as duas palavras, pois por mais que lutamos e ganhamos direitos, as coisas sempre pendem para a solidão, é claro que há casos e casos.

A solidão não escolhe classe, sexo, idade, cor ou qualquer distinção diferente de ser humano. Podemos nascer com ela, ou adquiri-la nos passar dos anos.

Desde criança, até pouco mais acima da adolescência, fui muito retraído, e cheguei até ser auto-suficiente. Sim, gostava de ficar só, desenhando, escrevendo, as poucas vezes que saía, ia só, principalmente ao cinema.

Chegando aos meus vinte e poucos anos, a solidão foi me dando pontadas, nada muito forte, apenas a crise de falta de relacionamento, mas algo que eu poderia conviver e suportar.

Quando passei por uma situação com meus pais, perdi um deles e fiquei a ponto de perder outro, cheguei em casa e me vi sozinho, aquilo soltou o gatilho. A partir deste momento passei a ser perseguido por ela, a solidão.

Hoje, tenho um relacionamento firme, de quase 6 anos. Mas, a homossexualidade nos tira certos direitos. Por mais que a família de meu namorado saiba do relacionamento, as coisas não são levadas muito a sério.

Sim, tenho que admitir, se fossemos um casal heterossexual, as coisas seriam mais fáceis. Hoje, tenho muito pouco tempo para namorar, por ocasião de problemas familiares do meu namorado, e fica nítido, que se fossemos homem e mulher, estaríamos mais tempos juntos.

Mas, infelizmente, vivemos num mundo, onde o relacionamento gay esta bonitinho na televisão, mas não é levado muito a sério. Não há muito respeito. Em parte por culpa de uma parcela de homossexuais que não se levam muito a sério, e outra pela falta de evolução de certas mentes.

Enquanto isto, estamos assim, sós na multidão.

Ass.: R

3 comentários:

raul disse...

tou passando pela meisma situacion
¬¬ eh fodah

rafa r. disse...

mas eu acho que devemos nos esforçar ao máximo pra não nos encontrarmos na solidão, pelo menos eu não consigo nem suportar a ideia disso. vai ver é por isso que uns nasceram pra ter um relacionamento estável e oturos não, o nível de solidão que essa pessoa se encontrou em determinada fase da vida... meu ponto de vista.

marnius disse...

É verdade, existe o fantasma da solidão mas existe também uma coisa fantástica no ser humano chamada VONTADE. E quando seguimos fazendo algo que desejamos muito e que não prejudica a ninguém com certeza temos mais chances de sermos felizes. É viver e seguir em frente!

Ps.: Descobri seu blog mês passado e desde então frequento ele regularmente pra ler, me divertir e aprender. Sucesso aí hein rapaz!

Leia também:

Related Posts with Thumbnails